Unidade de Avaliação de Produtos e Sistemas de Madeira

A UAPM - Unidade de Avaliação de Produtos e Sistemas de Madeira está enquadrada no Departamento de Estruturas (DE) do LNEC, no Núcleo de Comportamento de Estruturas (NCE). Mais informação poderá ser obtida no folheto desta unidade operativa ou através de contato para o email: uapm@lnec.pt

Áreas de atividade

Realiza ensaios de tipo iniciais e de verificação de conformidade, ensaios no âmbito da receção em obra, da certificação e da homologação de produtos, nomeadamente: revestimentos de piso e de parede à base de madeira, decks, madeira maciça e lamelada colada, painéis de derivados de madeira. Realiza também ensaios tendo em vista a caraterização e o desenvolvimento de produtos diversos para a construção à base de madeira, e de ligações mecânicas ou por colagem em sistemas de construção ou de reforço de estruturas de madeira.

Ensaios

Entre os diferentes tipos de ensaios realizados na UAPM destacam-se os seguintes ensaios:
  • Flexão
  • Compressão
  • Tração
  • Corte
  • Punçoamento
  • Fendimento
  • Choque
  • Dureza
  • Estabilidade dimensional
  • Coesão interna
  • Inchamento
  • Delaminação
  • Resistência à temperatura
  • Qualidade de colagem
  • Teor de água
  • Massa volúmica
  • Resistência à indentação
  • Influência de humidade
  • Retração linear

Outros serviços

Para além da atividade referida, a UAPM desenvolve atividade no âmbito de estudos de investigação e desenvolvimento na área dos produtos e sistemas de construção à base de madeira.
No âmbito do Programa Nacional de Re-equipamento Científico (PNRC), financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) foi adquirido equipamento de ensaio que permite estudar intervenções de reforço e consolidação de elementos ou estruturas de madeira. O equipamento adquirido ao abrigo do PNRC é composto por:

  • Máquina de ensaios mecânicos universal SHIMADZU de 250kN de capacidade, permitindo a caraterização mecânica de madeiras, derivados de madeira e compósitos de madeira;
  • A máquina de ensaios vem equipada com câmara térmica, que possibilita o ensaio na gama de temperaturas entre -70ºC e 280ºC.
  • Equipamento de climatização da sala de ensaios (condições de ensaio de 20ºC±2ºC de temperatura e 65%±5% de humidade relativa do ar);
  • De acordo com os objetivos do PNRC, o equipamento poderá ser colocado à disposição de outras unidades de investigação, mediante solicitação por parte destas e após análise, caso a caso, da natureza do trabalho (projeto de investigação, programa de pós-graduação, estudo de desenvolvimento tecnológico, etc.). O equipamento poderá ser disponibilizado a entidades fora do sistema de I&D nacional, igualmente após análise do tipo de trabalho solicitado.